Uma maravilhosa figura da igreja


Uma maravilhosa figura da igreja


A figura de Ana, a profetisa, em Lucas 2, é muito maravilhosa como tipo da igreja. Vejamos algumas características relevantes:
1. Era uma profetisa. A Igreja tem o ministério profético, pois ela testifica ao mundo a respeito do seu pecado, e da vontade de Deus em Cristo. Como profeta, tem uma palavra que denuncia, adverte e mostra o caminho de Deus.
2. Era uma mulher nobre.. Pertencia à tribo de Aser, uma das dez tribos que desapareceram. O fato de que ela tenha conservado a sua linhagem fala da sua nobreza.


3. Era uma mulher bela. Uma tradição rabínica fala da beleza das mulheres da tribo de Aser, muitas das quais se casavam com sumo sacerdotes. A Igreja é bela porque tem a beleza de Cristo. Ela está sendo lavada, e preparada para o dia das Bodas, mediante “a lavagem da água pela palavra”.
4. Era uma mulher idosa.. Como a igreja, ela tinha uma larga história, mas era jovem em seu espírito, diligente e piedosa. A idade e a juventude andam juntas na Igreja, porque tem a vida de Deus.
5. Era viúva. Uma pessoa é viúva porque o seu marido partiu. Assim também é a Igreja. Não porque o seu Marido esteja morto, mas sim porque partiu, e está momentaneamente longe dela. Por causa de sua viuvez, muitas vezes foi perseguida e humilhada.
6. Tinha tido um só marido, e era fiel a sua memória. A igreja tem um só marido, o qual é Cristo. Ela não se casou novamente. A verdadeira igreja não se prostituiu com os reis da terra, mas se manteve fiel a Cristo, face à oposição generalizada do mundo.
7. Ela desempenhava um ofício espiritual. Ana não se separava do templo, ministrando ao Senhor. Assim a igreja ministra as coisas celestiais, no Santuário celestial.
8. Ela está atenta ao mover de Deus, pois anda no Espírito. Ana se apresentou no momento justo para ver o menino Jesus, e louvar a Deus por Sua salvação. Não necessitou de ser lembrada ou um aviso humano, pois o Espírito a conduziu ao templo.
9. Ela dá testemunho de Cristo. Ana dava a todos testemunho do menino Jesus. A Igreja só tem um tema, e esse é Cristo. Sua palavra e sua vida é Cristo.


10. Ela esperava a redenção. Ana era uma mulher que não se conformava ao tempo e situações presentes, mas sim esperava o resgate. Ela olhava além das desanimadoras circunstâncias presentes, para o dia em que viria o Redentor. Assim também a igreja se enche desta expectação, deste “espírito de arrebatamento”. A igreja ama a Segunda Vinda, e espera por ele.
Fonte: Aguas Vivas
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s