ESTUDO DO LIVRO DE ATOS – PARTE 01


ESTUDO DO LIVRO DE ATOS – PARTE 01


Atos 1.1-3

Fiz o primeiro tratado, ó Teófilo, acerca de tudo que Jesus começou, não só a fazer, mas a ensinar, 2até ao dia em que foi recebido em cima, depois de ter dado mandamentos, pelo Espírito Santo, aos apóstolos que escolhera; 3aos quais também, depois de ter padecido, se apresentou vivo, com muitas e infalíveis provas, sendo visto por eles por espaço de quarenta dias e falando do que respeita ao Reino de Deus.

Atos 28.23-31

E, havendo-lhe eles assinalado um dia, muitos foram ter com ele à pousada, aos quais declarava com bom testemunho o Reino de Deus e procurava persuadi-los à fé de Jesus, tanto pela lei de Moisés como pelos profetas, desde pela manhã até à tarde. 24E alguns criam no que se dizia, mas outros não criam. 25E, como ficaram entre si discordes, se despediram, dizendo Paulo esta palavra: Bem falou o Espírito Santo a nossos pais pelo profeta Isaías, 26dizendo: Vai a este povo e dize: De ouvido, ouvireis e de maneira nenhuma entendereis; e, vendo, vereis e de maneira nenhuma percebereis. 27Porquanto o coração deste povo está endurecido, e com os ouvidos ouviram pesadamente e fecharam os olhos, para que nunca com os olhos vejam, nem com os ouvidos ouçam, nem do coração entendam, e se convertam, e eu os cure. 28Seja-vos, pois, notório que esta salvação de Deus é enviada aos gentios, e eles a ouvirão. 29E, havendo ele dito isto, partiram os judeus, tendo entre si grande contenda.

30E Paulo ficou dois anos inteiros na sua própria habitação que alugara e recebia todos quantos vinham vê-lo, 31pregando o Reino de Deus e ensinando com toda a liberdade as coisas pertencentes ao Senhor Jesus Cristo, sem impedimento algum.
Vamos começar a estudar o livro de Atos dos Apóstolos falando em primeiro lugar sobre o verdadeiro título deste livro, ou seja, este dos Apóstolos não é componente original do seu título, porque na verdade os Atos deste livro não são dos Apóstolos e na verdade nem mesmo do Espírito Santo, veja por exemplo no (v.1):
“Fiz o primeiro tratado (livro)…” esta referência é feita ao seu primeiro livro escrito (Evangelho de Lucas) e seu segundo livro se refere ao livro de Atos. E neste primeiro livro Ele relata todas as coisas que Jesus começou a fazer e ensinar.
Então no seu segundo livro Ele vai continuar a relatar o que Jesus continuou a fazer e a ensinar, então resumidamente nós podemos chamar:
Ø 
O Evangelho de Lucas de o livro do Jesus encarnado ou os atos do Jesus encarnado. 
Ø O livro de Atos de o livro dos atos do Senhor Jesus glorificado.

Porque o governo em todo livro é o governo do Senhor Jesus ressuscitado, ele é o foco neste livro todo, mas é claro que por causa do Espírito Santo derramado, que é Deus, derramado do Pai em nome do filho para habitar na Igreja como está escrito no Evangelho de João cp. 14,16, que Ele enviaria o Espirito da parte do Pai e este Espírito traria para a Igreja a realidade da presença do Senhor Jesus.
Então Lucas vai relatar os atos que o Senhor Jesus continua a fazer e a ensinar pelo Espírito através dos Apóstolos e porque não dizer através da Igreja, é uma continuação.
É preciso notar duas coisas essenciais contidas neste livro de forma distinta:

1.     Primeira que ele toca a realidade espiritual da vida da Igreja
Ø O que a Igreja é?
Ø Qual o caminhar da Igreja?
Ø Qual o mover da Igreja?
Ø Quais as características da Igreja?
Ø Qual a essência da Igreja?
Ø Qual a natureza da Igreja?

Porque nós precisamos muito perceber esta realidade espiritual da vida da Igreja, nós precisamos muito, (desesperadamente), porque quanta coisa tem sido chamada de “Igreja”, tem sido feita até mesmo em nome do Senhor Jesus, mas que não expressa a vida o poder e a realidade espiritual que a Igreja contem por ser quem Ela é. O corpo espiritual de Cristo.
Então este é o primeiro encargo. É nós vermos a vida, a glória, a natureza da Igreja através de todo este livro.

O livro de atos é o elo entre os quatro evangelhos e as epístolas, os quatro evangelhos focam o Senhor Jesus encarnado, as quatro faces dos quatro seres viventes, depois nós temos o livro de Atos e depois todas as epístolas, então o livro de atos é uma conexão entre eles.

Então o livro de Atos vai falar que este Jesus encarnado nos quatro evangelhos, Ele foi crucificado, mais não só isto, Ele foi ressuscitado (v.2,3), assim como os evangelhos terminam, com a ressurreição e a ascensão de Cristo. E agora no segundo livro de Lucas vai mostrar relatar que este Senhor Jesus Glorificado continua atuando se mostrando fazendo e ensinando, aquilo que Ele começou nos evangelhos Ele continua no livro de Atos através da sua Igreja. Ele começou com Ele mesmo e agora Ele continua fazendo e ensinado através da Igreja que é o seu corpo.
Jesus não faz isto através de entidade nenhuma, nem de sociedade nenhuma, mas Ele só pode fazer isto através de seu corpo que é a Igreja.
Esta foi à visão de Paulo no caminho de Damasco, quando Jesus respondendo a Ele disse:…eu sou Jesus a quem tu persegues…, ora Paulo não estava perseguindo Jesus mais a sua Igreja, quem toca no corpo toca em Cristo. Porque Ele é a cabeça do seu corpo que é a Igreja e este corpo é a plenitude daquele que a tudo enche em todas as coisas, é o que Paulo aos Efésios. 
2.     A segunda é que ele toca o Senhorio de Cristo
A igreja não tem lugar para conceitos humanos, para estruturas humanas, para governos humanos, sabe por que esta monstruosidade a que chamamos de “igreja”, de cristandade tem caminhado muitas vezes de uma forma antagônica, quando não antagônica no mínimo distante dos propósitos de Deus com a verdadeira Igreja que é o seu corpo, porque assumiu uma autossuficiência, uma identidade própria à igreja.

Então para eles a igreja é uma instituição que tem um conjunto de preceitos, de doutrinas, de regulamentos “bíblicos” em sua maioria, porque nem sempre são bíblicos, mas em sua maioria os são, práticas bíblicas, como por exemplo; ‘a igreja batiza, a igreja tem o partir do pão, ela batiza em nome do Senhor Jesus ou em nome do Pai do Filho do Espírito Santo entre outros, tudo isto sem a essência de Cristo.

Nós nunca podemos extrair um conjunto de preceitos, um conjunto de doutrinas, de princípios da bíblia e erguermos em algo que nós podemos chamar de cristianismo ou de igreja do novo testamento sem o Cristo vivo.

Tudo na realidade espiritual da igreja gira em torno de uma pessoa viva, se esta pessoa viva não é uma pessoa com a qual aqueles que são seus se relacionam de forma viva e se este relacionamento não se traduz em discipulado, então não há realidade espiritual da igreja.

Nós não temos autorização, não podemos retirar da palavra de Deus um conjunto de preceitos, de verdades e ensinos e nem mesmo de princípios que são tão bons e tão importantes e erguermos algo para chamarmos de igreja do novo testamento, seria como um tabernáculo sem a arca da aliança, os preceitos estão ali, os princípios estão ali, a ortodoxia está ali, as verdades estão ali, mas o essencial não está ali, e o essencial é a pessoa viva de Cristo.

2Corintios 6.16

E que consenso tem o templo de Deus com os ídolos? Porque vós sois o templo do Deus vivente, como Deus disse: Neles habitarei e entre eles andarei; e eu serei o seu Deus, e eles serão o meu povo.
Então esta pessoa viva deve governar tudo, tudo deve girar em torno desta pessoa viva porque Ele (Cristo) é a nossa vida e tudo é governado por ele, pois ele é a cabeça.


continua no 2
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s