A MISSÃO DOS REGENERADOS EM ATOS. 2


A MISSÃO DOS REGENERADOS EM ATOS


Atos 16:6-10.
Paulo e seus companheiros viajaram pela região da Frígia e da Galácia, tendo sido impedidos pelo Espírito Santo de pregar a palavra na província da Ásia. 7 Quando chegaram à fronteira da Mísia, tentaram entrar na Bitínia, mas o Espírito de Jesus os impediu. 8 Então, contornaram a Mísia e desceram a Trôade. 9 Durante a noite Paulo teve uma visão, na qual um homem da Macedônia estava em pé e lhe suplicava: “Passe à Macedônia e ajude-nos”.
10 Depois que Paulo teve essa visão, preparamo-nos imediatamente para partir para a Macedônia, concluindo que Deus nos tinha chamado para lhes pregar o evangelho.
Cabe-nos sensibilidade, compreensão e submissão à direção do Espírito. O Processo de envio é contínuo. Isto não acontece apenas no dia do chamado formal, pois o Espírito Santo continuará permanentemente a enviar aqueles a quem Ele um dia chamou.

d. A visão em Atos 16:9,10 foi dada diretamente a Paulo, mas todos os outros imediatamente obedeceram a direção de Deus: … concluindo que Deus nos havia chamado…. A visão nunca é coletiva, sempre começa no coração de um indivíduo, mas precisa ser submetida, compreendida e confirmada pelo grupo ou pela comunidade. 

3. Capacitados Pelo Espírito Santo Para a Obra Missionária

(Atos 13:9 e 52):
9 – Então Saulo, também chamado Paulo, cheio do Espírito Santo, olhou firmemente para Elimas e disse:
52 – Os discípulos continuavam cheios de alegria e do Espírito Santo.

a. A capacitação do Espírito Santo se evidencia quando estamos cheios dEle.
Logo em seu primeiro encontro no campo missionário, Barnabé e Paulo foram desafiados em um confronto entre a Palavra de Deus e a palavra estabelecida naquela cultura. A Palavra de Deus prevaleceu.

b. O desafio da obra missionária só será cumprido por aqueles que, coletiva e individualmente, mantiverem-se cheios do Espírito Santo.

“Missões” é sinônimo de desafios, de empreendimentos, e de incertezas, e somente aqueles que estiverem cheios do Espírito perseverarão o suficiente para verem os sonhos e as visões dadas por Deus se tornarem realizações e realidades.

c. As privações decorrentes do envolvimento na obra missionária só serão aceitas com resignação por aqueles que estiverem cheios do Espírito Santo.
“Missões” também é sinônimo de adversidades, de confrontos, de antagonismos e de privações, e somente os cheios do Espírito serão capacitados a amarem mais a Deus e ao próximo, a ponto de resignarem o amor a si mesmos, para cumprir cabalmente o seu ministério.

d. As oposições e batalhas espirituais só serão vencidas por aqueles que estiverem cheios do Espírito Santo.

Avançar com a Palavra significa fazer recuar o inferno. À medida que o Evangelho é pregado, o inferno é saqueado, almas são libertas e salvas, e Satanás com seus anjos caídos se levantam em retaliação contra a igreja e contra os seus enviados.
Os cheios do Espírito desenvolverão discernimento espiritual (Atos 16:16-18) e resistirão o suficiente até verem o Diabo e seus anjos fugirem.

4. Maravilhados Com o Espírito Santo na Obra Missionária

(Atos 13:41):
“ ‘Olhem, escarnecedores, admirem-se e pereçam; pois nos dias de vocês
farei algo que vocês jamais creriam se alguém lhes contasse!’a”

a. No seu primeiro sermão no campo missionário, Paulo faz menção da possibilidade dos habitantes de Antioquia da Psídia serem considerados desprezadores da obra que estava sendo realizada no meio deles. Contudo, o desejo do apóstolo era que eles, pelo contrário, se maravilhassem e fossem até abalados (desvanecei) com a obra de Deus.
É preciso envolvimento pessoal e coletivo, participação e engajamento, para nos maravilharmos continuamente com o poder e com a graça de Deus demonstrados na obra missionária.

b. Você tem hoje a opção de maravilhar-se com o poder do Espírito Santo demonstrado na obra missionária, ou ignorar e desprezar o que Deus está fazendo no cumprimento do Seu plano de salvar a humanidade.
No que concerne à missões, certamente hoje, existem mais desprezadores do que maravilhados na igreja.

c. … não crereis se alguém vô-la contar. Paulo não acreditaria se Deus tivesse mostrado de antemão o que faria através dele. Os reformadores Knox, Lutero, e Calvino não acreditariam se lhes tivesse sido revelada a abrangência do impacto mundial de seus sermões e escritos.

Certamente, João Wesley não acreditaria se lhe tivessem dito que a simplicidade de sua vida e pregação seriam usados por Deus para avivar um país inteiro.
Charles Finney, um santo homem de Deus, teria muita dificuldade em acreditar que, mesmo ainda 100 anos após a sua morte, cidades inteiras nos Estados Unidos experimentariam o avivamento por ele iniciado. 

Tendemos a fazer as coisas para Deus usando as sobras do nosso tempo, dos nossos talentos, dos nossos recursos financeiros, e esquecemos que a nossa regeneração foi obtida por meio de um sacrifício.

A sua vida cristã veio à existência por causa de um sacrifício. Que a sua missão cristã seja continuamente realizada nesta mesma perspectiva, porque a missão dos regenerados em Atos foi realizada no sacrifício de suas vidas.

A DEUS toda a devida honra e glória!

Valdeci Lopes.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s